09/06

Sistema fotovoltaico: gerei mais energia do que consumi

Gerei mais energia do que consumi com meu sistema fotovoltaico, o que acontece agora?

Existem meses em que o consumo de energia na sua residência, por exemplo, acaba sendo mais baixo. Nesse caso, se você estiver usando um sistema fotovoltaico poderá haver excedentes na quantidade de energia gerada.

Então, o que acontece agora? Esse excesso pode ser aproveitado?

Saiba que essa é uma dúvida bastante comum de quem instalou ou de quem pretende instalar um sistema de energia solar em sua residência ou negócio.

E hoje aqui explicaremos o que ocorre em situações como essa.

 

Excedentes na energia produzida com um sistema fotovoltaico

 

“Gerei mais energia do que consumi, posso ‘estocar’ esse excedente?”. Talvez seja essa exatamente a sua dúvida agora e a resposta é: sim.

Quando o seu sistema de energia solar acaba excedendo a produção de energia, então esse excedente é enviado para a sua distribuidora de energia e isso é convertido em créditos para você.

Mas como assim “convertido em créditos”?

Isso significa que se num dado momento o seu sistema de energia gerar menos do que o que você consome no mês, então esses créditos podem ser usados depois.

Um exemplo seria em dias chuvosos, onde não é possível ter tanta eficiência com um sistema fotovoltaico. Assim, você pode ter uma reserva para ser usada nesses dias.

No aplicativo do seu sistema fotovoltaico é possível ver o quanto de energia foi gerado. E o quanto foi injetado na rede da sua distribuidora aparecerá na sua conta de luz.

 

Usando o excedente em outras residências ou na sua empresa

 

Outra dúvida que também surge é quanto a poder, por exemplo, usar o excedente gerado em sua residência na sua empresa. E isso é perfeitamente possível.

Você pode ter um sistema fotovoltaico na sua casa e se ele gerar mais do que o que você consumiu no mês, é possível direcionar esse excedente para a sua empresa. 

Mas para isso é necessário que as contas da sua casa e da sua empresa estejam cadastradas num mesmo CPF ou CNPJ. Também, é necessário que os locais estejam dentro da área de cobertura contemplada pela concessionária.

 

Outras coisas importantes

 

Os consumidores que adquirem eletricidade diretamente com a sua distribuidora não podem vender os créditos, de acordo com o que consta na RN 482:2012. Esses seriam os usuários de baixa tensão (como os residenciais).

Já no caso dos consumidores classificados como usuários de alta tensão (como empresas), os quais consomem mais energia, é possível ter a parcela da conta de luz zerada com o excedente gerado com o sistema fotovoltaico (mas para isso é necessário que a energia gerada seja maior ou superior a quantidade consumida).

Outra coisa que é muito importante de mencionar aqui é que a ANEEL, em sua Resolução Normativa 482:2012, estabelece que não é permitido que o sistema fotovoltaico tenha potência maior do que a que foi contratada na concessionária pela empresa.

Dúvidas? Quer começar seu projeto e aproveitar os benefícios oferecidos pelo uso da energia solar na sua residência ou empresa? Então entre em contato com a MS Energia Solar.

Categorias